Controle ecológico de ratos


   Dentre os roedores, os ratos são os que mais causam prejuízos às pessoas tanto na agricultura como nas residências e, o que é pior, podem transmitir doenças tais como a leptospirose. É uma doença infecciosa causada por uma bactéria chamada Leptospira presente na urina do rato. Em situações de enchentes e inundações, a urina dos ratos, presente em esgotos e bueiros, mistura-se à enxurrada e à lama das enchentes. Qualquer pessoa que tiver contato com a água ou lama contaminadas poderá se infectar. A Leptospira penetra no corpo pela pele, principalmente se houver algum ferimento ou arranhão e também através da boca e olhos. Os sintomas da doença, geralmente, são: febre alta, fortes dores de cabeça, calafrios, dores musculares, vômitos, dor abdominal, icterícia (amarelão), diarréia ou coceira. Algumas pessoas não apresentam sintomas. Em casos severos a doença pode levar até a morte. Na época de seca, oferecem riscos à saúde humana o contato com água ou lama de esgoto, lagoas ou rios contaminados e terrenos baldios onde existem ratos. Portanto, deve -se evitar o contato com esses ambientes. O controle da população de ratos é uma das medidas para evitar-se a disseminação da leptospirose.
O problema dos raticidas: o controle dos ratos mais conhecido é através de raticidas, embora eficientes, são substâncias químicas de alta periculosidade. O grande problema destes raticidas é a contaminação do meio ambiente e das pessoas e, especialmente, crianças que não tem noção do perigo que estão correndo e animais. Em consulta ao Centro de Intoxicação Toxicológicas – CIT, do Hospital Universitário da UFSC (www.cit.sc.gov.br), verificou-se um elevado número de intoxicações de pessoas com raticidas e, o que é pior, o número de casos registrados está aumentando drasticamente (Tabela 1). Comparando-se o número de casos registrados do 1º quinquênio (1984/1988) em relação ao último (2004/2008), verifica-se um aumento de 1.094 e 1.128% em relação às intoxicações humanas e em animais, respectivamente. Ou seja, as intoxicações com raticidas estão aumentando de forma alarmante em Santa Catarina.
Tabela 1. Número de casos de intoxicações causadas pelos raticidas, registrados pelo Centro de Intoxicação Toxicológicas do Hospital Universitário da UFSC, no período de maio de 1984 a dezembro de 2008. Florianópolis, SC.
 Controle ecológico de ratos com feijão moído
   Circula na internet, uma mensagem que indica um controle ecológico de ratos bastante eficiente, já testado e aprovado por um amigo, residente na zona rural de Taquari, no RS.
Como fazer: pegue uma xícara de qualquer feijão cru (sem lavar mesmo), coloque no multiprocessador, ou liquidificador (SEM ÁGUA) e triture até virar uma farofinha bem fininha, mas sem virar totalmente pó.
Onde colocar: coloque em montinhos (uma colher de chá) nos cantos do chão, perto das portas, e janelas (sim, eles as escalam), atrás da geladeira, atrás do fogão, atrás de tudo!
O que acontece: o rato come essa farofinha, mas ele não tem como digerir o feijão (cru), por falta de substâncias que digerem feijão cru, causando assim um envenenamento natural por fermentação. Os ratos morrem em até 3 dias e, o mais importante, não tem contra-indicação: ao contrário dos tradicionais venenos, o rato morre e não contamina animais de estimação que por sua vez morreriam por terem comido o rato envenenado. E a quantidade de feijão que ele ingeriu e morreu é insuficiente para matar um cão ou gato, mesmo porque estes gostam de MATAR pra comer... mas morto eles não os comem. Se tiver crianças pequenas (bebês) num período que ainda engatinham, fase que colocam tudo na boca, não faz mal algum, pois o feijão para o ser humano, mesmo cru é digerido.
 Controle ecológico de ratos e outros insetos com hortelã: esta planta medicinal, muito conhecida, além de ser indicada na forma de chá como digestiva, calmante, descongestionante das vias respiratórias e vermífuga, também repele ratos e insetos-domésticos (mosquitos, formigas, piolhos e pulgas) e insetos-pragas de plantas (borboleta da couve e moscas brancas). Por isso, recomenda-se plantar hortelã ao redor dos canteiros, em volta da casa e/ou galpões.
Controle ecológico de ratos com arruda: espalhar alguns recipientes com um pouco de água e ramos frescos de arruda nos cantos e passagens serve para espantar ratos e camundongos. Eles detestam o cheiro de arruda e a água aumenta o tempo de uso dos ramos.
Controle ecológico de ratos com gatos: em casas e, em propriedades agrícolas com gatos, que são exímios caçadores de ratos, há um bom controle, desde que os gatos não sejam excessivamente alimentados por seus donos.
Controle de ratos com ratoeira ecológica
A ratoeira ecológica é outra forma eficiente de controlar ratos. O Sr. Ernesto Ristow, de Ibirama, SC, comprovou a eficiência desta ratoeira, que é bastante simples.
Como fazer (Figura 1): basta uma lata, um arame grosso, uma espiga de milho e água. Enche-se meia lata com água e coloca-se o arame transpassando a espiga, depois se coloca um suporte (ripa) para que os ratos possam chegar até a borda da lata. Quando eles forem comer o milho, escorregam, pois a espiga rola, e eles ficam presos na água. A armadilha também pode ser feita com garrafa pet para controlar camundongos em residências.
 Figura 1. Ratoeira ecológica (foto de Hernandes Werner)

Por favor, repassem a todos! Faça a sua parte!
O MEIO AMBIENTE E A SAÚDE DE TODOS NÓS AGRADECEM!
Vamos parar de utilizar produtos químicos a todo momento!www.cit.sc.gov.br

3 comentários:

JO SANTOS disse...

todos nós devemos fazer nossa parte para termos mais saude,e um ambiente limpo.

João Armando disse...

Ótimo colega !!! Maravilhosa essa tua dica !!! Sou extensionista da Epagri de São João do Sul e sou fã do teu blog. Te parabenizo pela excelência do teu trabalho e das informações fornecidas. Vamos trocar informações. Abraço. João Armando Neves dos Santos. Extensionista da Epagri de São João do Sul.

Ferreira disse...

Caro João,

Fico alegre em saber que a postagem vai te ajudar. Obrigado pelos elogios quanto ao blog. Os elogios são um incentivo para que eu possa melhorar cada vez mais as informações e matérias postadas no blog.

Estou à disposição no que puder te ajudar e também acho muito importante as trocas de informações sobre cultivo orgânico. Em relação à matéria sobre controle ecológico de ratos, te informo que foi um colega da Epagri de Ituporanga (Hernandes Werner) que me passou. Eu ainda não tive oportunidade de comprovar a eficiência do feijão no controle de ratos, mas um amigo residente no interior de Taquari me falou que o feijão foi eficiente no controle de ratos.

Postar um comentário

Contador

Tempo

Tecnologia do Blogger.
 

Objetivos!

Com o objetivo principal de divulgar os conhecimentos adquiridos, baseados nas pesquisas realizadas na Epagri/Estação Experimental de Urussanga em Santa Catarina, nas consultas bibliográficas e, na experiência adquirida nos 32 anos de vida profissional como pesquisador da Epagri na área de hortaliças, estamos colocando este blog à disposição dos interessados. Outros objetivos são: intercâmbio e socialização de informações relevantes sobre agricultura orgânica.

Free CSS Template by CSSHeaven.org TNB